Promoter, comissário ou embaixador

Os promoters, comissários e embaixadores de eventos são responsáveis por lotar festivais, festas, shows e casas noturnas, a grande maioria dos eventos no Brasil dependem desse tipo de venda direta para sobreviver. Nesta artigo vamos trazer um guia de como funciona o trabalho destes profissionais, que estão ganhando cada vez mais destaque.

O Social wave é uma plataforma onde eventos criam comunidades em que fãs podem vender ingressos. Você quer entrar em uma destas comunidades e ganhar ingressos e prêmios especiais? Confira como funciona aqui: venda ingressos dos melhores eventos musicais do Brasil.

Como eles se diferenciam:

  • O que são? (como é definido cada grupo)
  • Quais as motivações? (como eles se motivam para fazer a venda de ingressos para amigos)
  • Como fazem as divulgações? (como eles divulgam os eventos para os seus amigos)
  • Qual é a remuneração? (quanto ganham de dinheiro ou prêmios)
  • Criação de mailing list? (como os promoters criam as famosas listas de contato)

O que são embaixadores, promoters e comissários?

  • Embaixador: É um grande fã de um evento musical ou artista ou DJ que vai se apresentar por lá. Geralmente é uma pessoa que já foi diversas vezes no seu evento e conhece bem os pontos positivos e negativos, tem uma ótima impressão das suas festas e seguidamente recomenda para os seus amigos. Essas recomendações são feitas de uma forma muito sincera e sem nenhum tipo de recompensa financeira, eles não tem milhares de seguidores, mas algumas dezenas de amigos sinceros, esses amigos confiam na recomendação do amigo. O Social wave desenvolveu ferramentas e técnicas para identificar esses fãs e criar uma comunidade com eles.
  • Promoter: Gosta do evento em que trabalha, mas não tem problema em promover um evento que ele não goste tanto (se o retorno financeiro for bom). Diferente dos embaixadores, eles geralmente promovem diversos tipos de evento ao mesmo tempo. Os promoters são a maior força de venda direta de ingressos, estão presentes em mais de 70% das casas noturnas, eventos e festivais – muitos promoters levam esse trabalho como profissão.
  • Comissários: Fazem um trabalho similar ao do promoter, em muitas regiões do Brasil é comum confundir os dois grupos – a diferença principal é que os comissários só ganham dinheiro e outros prêmios após o evento, pois diferentes dos promoters que vendem os ingressos antecipados, os comissários, geram listas de desconto para os seus amigos e clientes, após o evento é feita uma levantamento para descobrir quantas pessoas foram por causa do comissário. Se na sua região os comissários fazem venda de ingresso antecipada, você pode considerar eles sendo promoters e não comissários. Comissários também são conhecidos por comissários de eventos e comissários de ingressos.

Quais as motivações?

  • Embaixador: A principal motivação para um embaixador convidar os seus amigos para ir em uma festa é o de ganhar ingressos, consumação ou um prêmio de experiência (conhecer o seu artista preferido no camarim ou assistir um show em cima do palco). O embaixador fica satisfeito quando consegue ir ao evento na faixa e também proporcionar momentos inesquecíveis para os seus amigos.
  • Promoter: Também gosta de uma festa cheia e animada, mas o que mais motiva ele é o retorno financeiro do seu trabalho de promoção. Ele recebe geralmente um valor fixo ou uma % de cada ingresso vendido, ele já sabe o resultado do seu trabalho antes do evento acontecer (pois já vendeu os ingressos antes da festa começar).
  • Comissário: Tem motivações muito parecidas com as do promoter (pois também recebe dinheiro pelo seu trabalho), o promoter vende ingressos antecipados e por isso já sabe o resultado antes da festa acontecer, para o comissário é diferente – ele cria listas vips e de desconto e ele só recebe por pessoa que for na festa (podem também receber uma % do que as pessoas consomem no evento).

Como fazem as divulgações?

  • Embaixador: Divulga mais para os seus amigos, muitos usam o Facebook e Instagram – mas a maioria prefere fazer o boca a boca tradicional ou usar o Whatsapp, Messenger e telefone para ter um contato mais direto com os seus contatos.
  • Promoter e Comissário: Esses dois grupos acabam fazendo a divulgação de forma bem parecida. No geral, eles não estão muito preocupados com a qualidade e sim com a quantidade de pessoas que podem levar – eles divulgam para qualquer pessoa que possa ir ao evento. Qual destes grupos você acha que tem mais valor para o seu evento?

Qual é a remuneração?

Se você quer entrar neste mundo só pelo dinheiro, você está no lugar errado – outras profissões tem uma remuneração bem maior, mas poucas são tão flexíveis e que trazem tanta satisfação. No geral poucos só alguns poucos promoters tem um salário fixo no geral a remuneração está ligada diretamente a quantidade de pessoas que ele consegue trazer.

  • Embaixador: não ganha dinheiro diretamente, embaixadores no geral ganham ingressos, prêmios de experiência (conhecer um artista no camarim ou assistir um show em cima de um trio elétrico), status de poder mostrar ao mundo que ele foi selecionado para representar aquela marca e também o contato mais próximo com produtores do evento. Não existe nenhuma regra que proíba embaixadores de venderem os ingressos ganhos para os seus amigos.
  • Promoter e Comissário: a remuneração de promoters e comissários podem variar muito de evento para evento. Diferente dos embaixadores esses dois grupos precisam bater uma meta mínima para continuarem trabalhando no evento. Confira um exemplo de um festival de música eletrônica em Curitiba. Os promoters ganharam 1 ingresso, R$5,00 por ingresso para até 10 ingressos vendidos, R$7,00 por ingresso para até 50 ingressos vendidos e R$10,00 por ingresso vendido para mais de 51 ingressos vendidos.

-Exemplo 1 : Promoter vendeu 12 ingressos.

Com essas vendas o promoters ganhou:  1 ingresso + R$84,00

-Exemplo 2 : Promoter vendeu 64 ingressos.

Com essas vendas o promoters ganhou:  1 ingresso + R$768,00

Como é a criação de mailing list um promoter de eventos?

Os 3 grupos tem muito em comum neste ponto, você não consegue criar uma base de contatos enorme da noite para o dia dia.

No geral tanto promoters, quanto comissários e embaixadores, já saem há um bom tempo, frequentam diferentes festas e já pagaram ingresso muitas vezes, por já viverem na noite, eles naturalmente vão começando a conhecer o parte do público, funcionários da portaria, promoters, DJs residentes e organizadores – com essa bagagem toda ela já vira um promoter natural de qualquer balada, para alguém assim começar a promover eventos de uma forma mais organizada é só ter algum convite de algum promoter ou amigo.

Quero ser promoter!!!

3 Comentários

  1. 5 livros para se tornar um promoter de sucesso! – Social wave – Venda mais ingressos

    […] o avanço das mídias digitais o promoter se tornou uma das profissões que mais crescem no mercado, beneficiando diretamente os […]

  2. Mini-curso grátis para Promoter, Comissário ou Embaixador – Social wave – Venda mais ingressos

    […] com alguns dos maiores eventos musicais do Brasil! Temos orgulho de ter treinado mais de 2000 promoters/comissários/embaixadores e vendido mais de 30.000 ingressos. Em nossa plataforma o promoter tem à sua disposição um […]

  3. Guia do Promoter: 5 dicas para melhorar suas vendas – Social wave – Venda mais ingressos

    […] buscar ampliar sua network, isso inclui conhecer pessoas novas, referencias nos festivais como produtores e djs. Para que isso ocorra, o promoter deve sempre frequentar o máximo de festas possíveis e […]

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Você pode usar as tags de HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>